Gestran

BLOG

Que tal uma pausa para ler um pouco sobre transporte e logística?

O que é e como elaborar uma política de frota?

A política de frota é um documento que define algumas regrinhas fundamentais para o sucesso das empresas de transporte independente do tipo ou tamanho da sua frota. Para empresas de pequeno à grande porte. Essas diretrizes estão ligadas ao cuidado e utilização dos veículos, boas práticas de condução, orientações de abastecimentos, programas de manutenção, capacitação de colaboradores e procedimentos em caso de emergência por exemplo.

E por que manter uma política de frotas?
Sem processos bem definidos e claros, além de perder produtividade, tornar-se muito mais provável a ocorrência de erros.
No dia a dia para quem trabalha com logística, sabe que a realidade na infraestrutura no transporte do Brasil ajuda pouco para evitar erros: estradas mal conservadas, burocracia e pouco investimento são feitos no ramo. Assim, a política de frotas se torna um grande aliado. Além de segurança, é um documento que melhora e otimiza o processo para gestores, motoristas e funcionários.

Aqui trazemos um pequeno checklist de como começar a planejar sua política de frota:

1- Entenda sua frota de veículos.
Mapeie o hábito de seus veículos. Confira rotinas de manutenção e consumo por exemplo. Entenda quais são os veículos que necessitam de um suporte diferenciado.

2- Defina métricas para melhorar a operação.
É interessante pensar em métricas que ajudem a empresa a atingir bons resultados. A política não deve ser pensada apenas para ser uma exigência mas sim um apoio a cultura da empresa.

3- Preze pela transparência e use regras claras.
Não faça um documento com informações complexas ou pouco claras. É ideal investir num documento que seja transparente e direto quanto aos seus objetivos. Lembre que a política não se aplica somente a motoristas mas sim a todos que estão envolvidos na gestão.

4- Elabora a política de maneira colaborativa.
Não tenha medo de pedir feedback e também ajuda de seus funcionários para elaboração da política. Um documento feito dessa maneira tem mais chance de ser seguido à risca e de ser mais relevante no processo interno.

5- Priorize a segurança dos seus colaboradores.
A segurança de seus colaboradores precisa estar em primeiro lugar sempre. Uma boa política leva em consideração o comportamento para manutenções e também procedimentos no caso de acidentes.

6- Divulgue sua política de gestão de frota.
Ok, você passou horas fazendo a política. Agora é hora de divulga-la. Todos os colaboradores precisam estar ciente das regras e também da responsabilidade sobre ela. A política tem que ser vista como um agregador para o processo da empresa.

7- Acompanhe e atualize a sua política.
A política é um documento importante mas não definitivo. Novas regras, novos processos, ou mudanças são um passo comum no dia a dia da gestão. Monitore o que na política não está alinhado ao seu processo de gestão e altere.

Esse é apenas um dos passos para boas práticas de gestão de sua frota. Nosso objetivo com esse post é mostrar a você a importância dessas boas maneiras alinhada a um bom sistema de gestão. Para isso, você sabe que estamos sempre prontos a ajudar. 😉

Gostou? Compartilhe conhecimento:

Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on facebook
Share on twitter

Quer saber mais? Leia alguns artigos relacionados:

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x